segunda-feira, 25 de julho de 2011

Viva (só não sei até quando)...

Escrevendo rápido só pra não dizer que abandonei meu cantinho preferido. Tenho trabalhado tanto (10, 11 horas por dia) que não tenho tempo nem de organizar meus pensamentos. Tô nessa pegada há três semanas e, sinceramente, não sei até quando vou agüentar. É muita loucura. Sumi do Twitter, do Face, daqui... Enfim, o povo até estranhou e veio me perguntar o que estava acontecendo. E posso confessar? Me achei importante! Haha...


A vida me reservou algumas surpresas por esses dias. E para quem estava sozinha, até que eu tô bem enrolada! Dividida em duas, sem saber para que lado ir. Mas já desencanei e vou deixar rolar. Como diria minha querida Maria Gadú, 'deixa estar que o que for para ser vigora'. Na hora certa eu vou saber o que resolver - bom, assim espero! 

De resto tudo certo - aquela mesma loucura e a inquietude de sempre (bem característico de Bia). Com a alma mais leve e com o coração menos afoito - fruto de muita meditação e muita reflexão. E não é que dá pra ser feliz desse jeito? Vivendo e apredendo mesmo...


Beijos!

2 comentários:

  1. Aê, atendendo a pedidos... haha
    E apesar do trabalho em excesso, vc parece bem! Que bom!
    E que vc opte pelo melhor. Fico na torcida :)
    Beijoo, Bia!

    ResponderExcluir

E aí, o que achou?